Dentre as várias modalidades de exercícios alternativos á musculação, o pilates é o que se destaca mais, devido à técnica e capacidade de fornecer vários benefícios para quem pratica. Porém, um mito ronda a prática do pilates: esse exercício emagrece ou não?

O que é exatamente o pilates?

Antes de compreender se o pilates favorece a perda de peso, é preciso conhecer um pouco sobre o que é esta técnica e como ela foi desenvolvida.

O pilates é um método de condicionamento físico criado por um profissional alemão, Joseph Pilates. Esse exercício permite o fortalecimento e o alongamento da musculatura corporal através da prática de movimentos suaves, realizados com alguns materiais e o peso do corpo.

Esta movimentação mais lenta aliada a alguns aparatos faz com que os exercícios tenham baixo impacto nas articulações, na musculatura e nos ossos, permitindo menor chance de lesões durante a prática.

Qual é o seu objetivo final?

O objetivo final do pilates é muito similar ao de outras atividades físicas anaeróbicas, que é o trabalho de fortalecimento muscular, protegendo ossos e as articulações. Além disto, o pilates ajuda a melhorar o condicionamento físico, a elasticidade corporal, a resistência da musculatura e o equilíbrio.

Pilates emagrece?

Como qualquer prática de atividades físicas, o pilates tem sim a capacidade de favorecer a perda de peso, porém o metabolismo do emagrecimento neste tipo de exercício é diferente do que acontece durante as atividades aeróbicas.

As atividades aeróbicas — como os esportes, as corridas e as danças — são relacionadas com queima de caloria durante o exercício. O pilates, por sua vez, tem a capacidade de queimar gorduras e favorecer a perda de peso após a prática do exercício.

A quantidade de peso que você vai perder com o pilates depende, intimamente, de dois fatores: de seus hábitos alimentares e da intensidade do exercício.

Se você pratica o pilates regularmente mas se alimenta de maneira desequilibrada, é muito provável que o exercício físico não consiga compensar com queima de calorias o tanto de energia que você ingeriu através da alimentação.

Por isto, é importante que uma alimentação balanceada faça parte da sua rotina. Se você se alimenta bem, mas pratica o pilates de maneira muito leve e sem se permitir um aumento gradual de intensidade, é muito provável que você não consiga queimar calorias suficientes para alteração de peso.

Assim como em qualquer outro exercício, é a intensidade dos movimentos que vai definir a capacidade do seu treino de pilates em queimar menos ou mais calorias.

Quais são os outros benefícios desta prática?

Mesmo sem ter foco no emagrecimento, o pilates apresenta benefícios para o organismo humano que são difíceis de encontrar em outras atividades físicas.

Ele ajuda a prevenir lesões, fortalecendo a musculatura; a melhorar a concentração, já que seus movimentos exigem dedicação e atenção; e também a tratar e prevenir dores, já que pode corrigir erros posturais e de movimentação, diminuindo os desconfortos corporais causados por estas situações. Além disto o pilates relaxa, diminui o estresse, facilita a circulação sanguínea e promove uma enorme sensação de bem-estar.

O pilates é um exercício completo para quem está procurando mudar os hábitos de vida e melhorar a própria saúde. O que você está esperando para começar a praticar este tipo de exercício?

Mais disposição com GreenCoffee Slim!

Comentários

Comentários