Uma boa alimentação forma, junto com a prática de exercícios físicos, a base para uma vida longa, prazerosa e saudável. E as escolhas que você faz na hora de se alimentar podem ser decisivas na busca por este objetivo.

Existem alimentos que fazem muito mal à saúde, mental e física, e cujo único benefício é uma prazer momentâneo que dura poucos segundos – e o preço, caro, é cobrado depois.

Esses alimentos podem ser evitados, e você só tenha ganhar. Veja alguns deles na lista abaixo, e risque do seu cardápio – ou, pelo menos, come o mínimo que puder!

Os 12 alimentos que mais fazem mal à sua saúde

Refeições prontas congeladas

A refeições prontas congeladas, como lasanhas, escondidinhos, hambúrgueres, normalmente, são ricos em gorduras saturadas – as gorduras ruins -, e também em sódio.

Quando estes ‘nutrientes’ são consumidos em excesso eles fazem muito mal a saúde, causando problemas como o aumento do colesterol ruim, da pressão arterial e do risco de desenvolver doenças cardiovasculares.

Além disso, esses produtos são cheios de químicos que agem como conservantes, espessantes, aromatizantes e afins.

Embutidos

nuggets

Não são só as refeições prontas, mas também os embutidos, como ‘nuggets’ e salsichas também, são ricos em gorduras e sódio, trazendo os mesmos danos à saúde.

Além disso, para aumentar o prazo de validade, este tipo de alimentos contém aditivos alimentares, conservantes e corantes que são alergênicos, podem causar problemas no estômago e algumas destas substâncias ainda são convertidas em substâncias potencialmente cancerígenas, como o nitrito e nitrato.

Caldos e temperos industrializados

Os caldos e temperos prontos pode diminuir o trabalho na hora de fazer uma receita elaborada, mas são péssimos para sua saúde. Assim como os alimentos citados anteriormente, estes alimentos contém alto teor de sódio e outros conservantes.

Escolha temperos naturais, como salsinha, coentro, azeite, limão, cebolinha, manjericão e tantos outros.

Biscoito recheado

bolacha recheada

Os biscoitos (ou bolachas) recheados são muito consumidos por crianças, pois têm sabor doce e agradável ao paladar. Porém, contêm alta quantidade de açúcar, gordura saturada e aditivos alimentares para conservar e dar cor ao alimento, tornando-o mais atrativo.

Esses aditivos são prejudiciais à saúde e já foram até relacionas com a hiperatividade e déficit de atenção. Além disso, esse alimento normalmente contém alto teor de calorias, colaborando para o ganho de peso e a obesidade.

Salgadinhos

Os salgadinhos fazem parte dos ‘alimentos de calorias vazias’, isso significa que os ingredientes presentes na composição do produto não trazem benefícios a saúde, ou seja, as calorias presentes nestes alimentos não são favoráveis e não tem função no nosso organismo.

Esse alimento, assim como os temperos artificiais, são ricos em glutamato monossódico, um realçador de sabor que por diminui a capacidade das papilas gustativas e, por isso, é consumido em uma maior quantidade cada vez que comemos. Além disso, é rico em sódio, gorduras e alguns contém até a gordura trans – aquela que é a mais temida.

Refrigerantes

refrigerantes

Os refrigerantes também são conhecidos como alimentos de calorias vazias, mas são conhecidos principalmente pelo alto conteúdo de corantes, corantes e outras substâncias artificiais. Se não bastasse ainda são ricos em açúcar e sódio.

Os refrigerantes estão intimamente ligados com o ganho de peso e obesidade, e a versão cola normalmente tem uma grande quantidade de fosfato que em excesso provoca enfraquecimento dos ossos.

E se você achou que não podia piorar, as versões diet são ainda piores. Além de todas as substâncias já citadas, os refrigerantes diet substituem, normalmente, o açúcar por aspartame, que em excesso gera uma substância tóxica quando é metabolizado pelo nosso organismo e essa substância já foi associada com doenças, como o mal de Alzheimer.

Fritura

Quando fritamos um alimentos, devemos aquecer o óleo primeiramente, deixá-lo em uma temperatura bem alto e é este o problema. Em certas temperaturas os óleos deixam de ser fontes de gorduras insaturadas e passam a ser fonte de gordura satura, aquela que aumenta o risco de doenças cardiovasculares, lembra?

Além disso, o calor pode desestruturar a molécula de gordura, produzindo uma substância potencialmente cancerígena, e o óleo agrega calorias ao alimento consumido, favorecendo o ganho de peso corporal.

Margarina

12 alimentos que fazem mal a saude

A maior parte das margarinas é feita com óleos vegetais hidrogenados – a famosa gordura trans.

Já falamos aqui sobre os malefícios que este tipo de gordura traz, mas vale lembrar que o excesso provoca o acúmulo de gordura na região abdominal e promove o aumento dos níveis de colesterol e do risco de doenças cardiovasculares.

Açúcar

O açúcar refinado não tem valor nutricional, por isso, não precisa ser consumido e não traz nenhum benefício para a saúde.

Quando é consumido em excesso, leva ao excesso de peso, obesidade e aumento o risco de diversas doenças, como diabetes, dislipidemias e outras doenças cardiovasculares.

Evite o consumo de açúcar e se for consumir prefira outras versões, como o açúcar mascavo.

Sorvete

sorvetes

Hoje em dia já temos sorvetes mais saudáveis, feitos apenas com frutas. Porém, o mercado ainda é tomado por versões ricas em açúcar e gordura trans, além dos aditivos alimentares que tem como única função melhorar o sabor, dar cor e conservar o produto por mais tempo.

Fuja desse tipo de sorvete. Escolha opções naturais ou faça seu próprio sorvete.

Sucos artificiais

Muitas pessoas substituem os refrigerantes por sucos de caixinha ou sucos em pó, achando que estão fazendo uma troca saudável. Mas não é bem assim. A maioria dos sucos industrializados do mercado é rico em açúcares e aditivos alimentares, que são prejudiciais a saúde.

Hoje está mais fácil o acesso a sucos saudáveis, que não contém adição de açúcar e conservantes, e mesmo com uma validade menor, valem a pena. Invista neste tipo de suco, ou melhor, nos naturais!

Fast food

Você já deve imaginar porque este tipo de comida faz mal, mas não custa nada reforçar. Estes restaurantes são famosos pelo seu serviço rápido, como seu próprio nome diz. Mas para eles conseguirem servir suas refeições de forma rápida eles usam apenas ingredientes processos, praticamente.

Por exemplo, o hambúrguer é congelado – já explicamos o problema de alimentos congelados; o molho é pronto – também já explicamos. Estes restaurantes, normalmente, não têm sucos naturais, ou seja, servem sucos artificias ou refrigerantes, que também já foram falados aqui.

E aí, qual deles você vai abandonar para sempre primeiro? 😉

Mais disposição com GreenCoffee Slim!

Comentários

Comentários